Concreto

​Água, ciment​o e agregados. Parece simples, mas para produzir concreto de qualidade é preciso técnica e conhecimento - é entender e propor a mistura certa para cada necessidade.​

​​​Por mais que a base seja a mesma, há um tipo exato de concreto para cada aplicação – da barragem de uma hidrelétrica à pavimentação de um estacionamento de supermercado, passando pe​lo concreto utilizado em estruturas submersas até o colorido que, além de suas propriedades estruturais, oferece resultados que complementam o aspecto estético da obra.

Por isso, qualquer projeto que envolva nosso concreto passa primeiro por uma análise profunda da necessidade do nosso cliente – assim, podemos chegar com ele nas melhores soluções.

Contamos com mais de 320 unidades de concreto globalmente que, somadas, produziram em 2014 em torno​ de 11,2 milhões de m3​. ​​​

Clique aqui para mais informações sobre nossos concretos.

​​

CENTRAL DE CONCRETO

??
1

Entrada

1
2

Estocagem

2
3

Moega

3
4

Ponto de carga

4
 
5
5

Sala de comando

6

Bate Lastro

6
7
7

Saída

8

Laboratório

8
 
10

PRODUÇÃO DO CLÍNQUER

×

No moinho de farinha ou cru, o calcário é moído com argila e aditivos específicos (tais como minérios ferrosos, alumínicos ou materiais substitutos co-processados). A argila é um produto rico em sílica, ferro e alumínio, elementos essenciais para a qualidade do cimento. O produto final é formado por grãos muito finos, daí o nome farinha ou cru. Um filtro instalado no moinho evita que haja a emissão de pó para a atmosfera. A farinha é estocada em silos especiais até ser enviada ao forno rotativo.

No moinho de farinha ou cru, o calcário é moído com argila e aditivos específicos (tais como minérios ferrosos, alumínicos ou materiais substitutos co-processados). A argila é um produto rico em sílica, ferro e alumínio, elementos essenciais para a qualidade do cimento. O produto final é formado por grãos muito finos, daí o nome farinha ou cru. Um filtro instalado no moinho evita que haja a emissão de pó para a atmosfera. A farinha é estocada em silos especiais até ser enviada ao forno rotativo.

No moinho de farinha ou cru, o calcário é moído com argila e aditivos específicos (tais como minérios ferrosos, alumínicos ou materiais substitutos co-processados). A argila é um produto rico em sílica, ferro e alumínio, elementos essenciais para a qualidade do cimento. O produto final é formado por grãos muito finos, daí o nome farinha ou cru. Um filtro instalado no moinho evita que haja a emissão de pó para a atmosfera. A farinha é estocada em silos especiais até ser enviada ao forno rotativo.

No moinho de farinha ou cru, o calcário é moído com argila e aditivos específicos (tais como minérios ferrosos, alumínicos ou materiais substitutos co-processados). A argila é um produto rico em sílica, ferro e alumínio, elementos essenciais para a qualidade do cimento. O produto final é formado por grãos muito finos, daí o nome farinha ou cru. Um filtro instalado no moinho evita que haja a emissão de pó para a atmosfera. A farinha é estocada em silos especiais até ser enviada ao forno rotativo.

  • 1Entrada​​
  • 2Estocagem
  • 3Moega
  • 4Ponto de carga
  • 5Sala de comando
  • 6Bate Lastro
  • 7Saída
  • 8Laboratório​​